Goma Laca – Afrobrasilidades em 78 RPM

A curadoria Ventiladores permanece espalhando música espetacular aos 4 ventos e  dessa vez teremos uma coletânea feita por algumas das figuras brasileiras mais legais que já passaram por aqui.

GOMA-LACA é um centro de investigações dedicado ao universo da música brasileira feita na primeira metade do século XX e registrada nos antigos discos feitos de cera de carnaúba e goma-laca que giravam a 78 rotações por minuto. Idealizado por Biancamaria Binazzi e Ronaldo Evangelista que começaram a fazer um trabalho incrível de resgatar e catalogar todo um acervo que estava em risco de desaparecer com o tempo e ainda juntar diversos nomes da MPB atual para reinterpretar diversos clássicos e contar novamente essas histórias que juntam Brasil e África.


Mais informações: http://www.goma-laca.com

Baixe: Gomalaca

Guilherme Kastrup – Kastrupismo

A música brasileira tem suas qualidades e seus defeitos, digamos que nem tudo nessa terra pode-se dizer que é feito com esmero e caímos muito na questão da diversidade sonora dita “popular”, mas não podemos negar que nossa música instrumental é uma das mais fodas que tem por aí, tanto no estilo quanto na técnica. Somos abençoados com artistas como João Donato, Hermeto Pascoal, Moacir Santos, Baden Powell, Antônio Carlos Jobim  entre muitos outros que tornaram-se refêrencias mundias de música de qualidade, mas como eu gosto de dizer para os meus amigos, tudo que é bom feito aqui no Brasil é para exportação, na música não é muito diferente.

Guilherme Kastrup conseguiu fazer uma das obras mais ricas de 2013 e não deixo de pensar que suas composições serão ouvidas muito menos do que merecem, mas estamos aqui para tentar espalhar música boa aos 4 ventos não? isso é Kastrupismo uma viagem à música popular brasileira, conectando o nordeste ao sudeste entre ritmos regionais, sons dos ecossistemas brasileiros e até batidas eletrônicas misturados a instrumentos clássicos. Tudo isso vem da cabeça do produtor e percussionista Guilherme Kastrup que já trabalhou com gente do nível de Chico César, Arnaldo Antunes e Gal Costa e agora lança seu primeiro disco autoral sem participações mirabolantes, mas de um olhar clínico de quem já faz seu ofício há muito tempo e tem uma relação íntima com a  música, sabendo o que quer com cada canção.

Compre:Pagseguro

Baixe: http://guilhermekastrup.com

Criolo – Nó na Orelha – Ao Vivo No Disco Voador

Lês Criolês é pop, é a figura mais importante a aparecer na cena musical desde Chico Science e Nação Zumbi , igualmente adorado por público e crítica é o cara responsável por elevar o rap brasileiro ao lirismo poético da MPB, sem perder a importância da crítica social que sempre permeou o cenário do rap.

Nó na Orelha um album que já pode considerado essencial na história da música brasileira ganha uma versão turbinada Ao Vivo, a cereja do bolo numa trajetória longa de um artista que obteve o sucesso merecido já em sua maturidade  (Criolo tem 37 anos) em versão DVD e aúdio disponíveis de graça e pelo esquema “pague o quanto você quiser” no site do artista, então curte aí o clima de celebração do show e baixe logo o aúdio.

Compre/Baixe: Criolo.net

Devendra Banhart – Smokey Rolls Down Thunder Canyon

smokey rolls down

Finalmente! Hoje suspiro de alegria, ou talvez deva dizer que hoje acordei do estado vegetativo que o tédio provoca. Tal tédio que durou por 10 meses, nos quais nada que chegou aos meus ouvidos provocou qualquer comoção, mas este álbum caros ventilados, este álbum não só me deu o fôlego inspirador para escrever, me fez sorrir como quem sorri ao se identificar pela primeira vez com uma canção, aquele sorriso que é sucedido por um arrepio, uma vontade incontrolável de abraçar o ar, a vida, abraçar para sempre a sensação maravilhosa de se deixar levar pelos sentidos,  de flutuar nas águas gentis da música.

O protagonista da experiência que descrevi é Devendra Banhart, pouco fama ou reconhecimento, uma história de vida peculiar e um senso artístico raro, este americano que cresceu na Venezuela e regressou a sua terra natal para estudar artes é sem dúvida uma miríade de ideias e raízes que transcendem em forma e resultam em um processo criativo randomico, refinado e indescritivelmente empolgante, em Smokey Rolls Down Thunder Canyon, Banhart canta em Inglês, Espanhol e Português, bebe no folk, samba, rock, hippie, psicodelia e não faz isso de forma temática, mas é totalmente orgânico, como na faixa Seahorse, um verdadeiro hino a liberdade da mente e dos sentidos, com oito minutos que vão de folk, a grunge, permeada por blues e experimental, sempre te deixa a desejar que a música nunca acabe.

Gostaria de escrever páginas e páginas sobre a minha experiência ainda viva, como este álbum esta a cada minuto mais presente na minha cabeça, me fazendo dançar e flanar com as ideias, mas se eu me alongar você irá perder um tempo precioso que poderia ser dedicado apreciando às tais músicas que quero descrever, pois bem, vá e OUÇA e DELEITE-SE por si próprio!

PS: Muito obrigado Estela, por mais uma vez nos presentear com seu bom gosto ; )

 

fuck yeah.

 

Compre: Amazon.com

Baixe: Kickass Torrents

Vários Artistas – A Tribute To Caetano Veloso

Caetano completou 70 anos em agosto e agendado para a comemoração estava o lançamento dessa coletânea de canções do homem interpretadas por vários artistas (nacionais e internacionais) e como vão ficando coisas pendentes para serem postadas no blog devido a meu déficit de atenção ser comparável ao de um peixinho dourado, só estou postando-o em outubro. mas o importante é que ele entrou para o rol de post do ventiladores.

Os artistas são bem diversificados indo de latinos, anglo-saxões a brasileiros, assim como as canções escolhidas que valorizam as mais desconhecidas do baiano, ou seja não vai agradar a todo mundo, mas ao mesmo tempo também serve como porta de entrada para outras composições de Caetano que nem preciso dizer que possui um repertório riquissímo.

Os destaques ficam para Luisa Maitá com sua ótima versão para Trilhos Urbanos, Miguel Poveda (Força Estranha) e Chrisse Hynde com o projeto +2 cantando Empty Boat.

Ouça:

 

Compre: Itunes

Baixe: Rapidgator

Los Sebosos Postizos – Los Sebosos Postizos interpretam Jorge Ben (tweet post)

Já tinha adiantado esse projeto parelelo aqui, mas agora eles lançaram um album propriamente dito e não um bootleg de uma de suas apresentações ao vivo, consolidando 14 faixas com versões de canções de diversos albums do Zé Pretinho em especial as décadas de 60 e início da 70.

Imperdível para fãs de Jorge Ben e de música brasileira.

Compre: Itunes

Baixe: Uploaded (link retirado do baixando fácil)

BNegão & Os Seletores de Frequência – Sintoniza Lá

Temos aí o sucessor de Enxugando Gelo (2003) uma longa espera de 8 anos, mas finalmente está entregue. O resultado? excelente, na minha opinião ventilada, até melhor que o primeiro.

Bnegão dispensa apresentações, é um dos nomes refêrencias para a música alternativa brasileira, mesmo quem não conhece seu trabalho solo já ouviu falar no Planet Hemp, banda que o projetou nacionalmente e internacionalmente e ele é arroz de festa de festival, tá em todo lugar faz mega shows estilo SWU até pequenos festivais, cruzando o Brasil onde for requisitado e divulgando seu som, mistura de samba, soul, funk (dos dois tipos), Reggae e claro Rock.

Então vá logo ouvir essas 11 faixas sensacionais e procure na agenda dele quando vai ser o próximo show ao vivo dele na sua cidade, por que Bnegão tem a tradição de fazer shows fudidos e se esse som é bom assim no conforto do meu lar, mal consigo esperar pra ver ao vivo.

Ouça:

Compre: Coqueiro Verde

Baixe: Mega.co

Links retirados do site do autor  http://www.bnegaoseletores.com.br/