Karina Buhr – Eu Menti Pra Você/ Longe de Onde

Esse post é mais um oferecimento da coletânea: “coisas que já deveriam ter sido postadas” e como sempre não tenho um motivo decente pra justificar o descaso com tamanha qualidade musical dessa moça de olhos cor de mel e sotaque pernambucano.

Essa baiana de origem mas pernambucana de todo o resto, cresceu sobre a influência do maracatu e dos sons tradicionais do nordeste, mas como todo bom artista do séc XXI soube unir a tradição com a inovação de outras influências como o jazz, o rock,  a MPB e o som eletrônico que hoje é item tão comum quanto o trio baixo, bateria e guitarra, até “banda de garagem” tem técnico de som prafazer os efeitos, vai entender.

Acredito Que Karina gosta de unir coisas opostas, ela com essa carinha de menina do campo se veste como uma mistura de Lady Gaga e roqueiro da década de 80 e canta inocentemente “eu sou uma pessoa má, eu menti pra você” faz o mainframe encefálico dar uns tilts nervosos, afinal por que ela não decide se quer ser agressiva ou meiga? por que Karininha é um ser orgânico instável não uma personagem de desenho animado bom/mau não serve pra ela. Essa desconstrução que faz dela tão interessante.

De canção de amor graciosa ela pode ir pra um hardcore ou um cuban jazz como quem troca de roupa, no primeiro trabalho ela explora o lado mais boa moça, mas tem seus momentos de mostrar o dedo do meio como no funk tirando sarro da lei Rouanet Ciranda Do Incentivo, que  faz as empresas investirem em artistas que promovem a cultura, principalmente a tradicional/nacional, mas depois de produzido não há ninguém que queira comprar, enquanto que ninguém patrocina por exemplo um funk que venderia bem, fazendo artistas viverem de patronagem de empresas.

Eu Menti Pra Você é um album mais instrospectivo e mais autoral, enquanto Longe de Onde serve como a consolidação do trabalho de Karina Buhr sendo o repertório mais perfomático, característica marcante dos shows da moça que adora “causar” ao longo de suas apresentações, assim os dois albuns são como o dia e a noite, o primeiro serve melhor pra se ouvir sozinho curtindo cada canção, enquanto o segundo serve como um pocket-show para ser ouvido por várias pessoas.

Não perca seu tempo caro leitor, vá ouvir logo os dois cds, eu ainda iria falar sobre a banda de apoio mais foda do circuito alternativo com Guizado no Trompete, Scandurra e Catatau nas guitarras, bom já falei, ouça logo.

Ouça:

Baixe: Longe De Onde
Eu Menti Pra Você/Trama Virtual

Um comentário sobre “Karina Buhr – Eu Menti Pra Você/ Longe de Onde

  1. Pingback: Vários Artistas – Mulheres de Péricles | Ventiladores'

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s