Toro Y Moi – Underneath The Pine

Quando Chazwick Bundick resolveu mostrar o que ele fazia em seu quarto com um computador e um sintetizador, já era tarde demais para voltar atrás. Ele já estava completamente envolvido com a música e daí que o mundo teve o prazer de ser apresentado ao Toro Y Moi.

Desde jovem Chaz já se envolvia com música tocando punk em bandas no colégio, foi então cultivando seu projeto pessoal Toro Y Moi, que vai desde as harmonias dos Beach Boys até o R&B dos anos 60 e 70, unidas a influências modernas como o Animal Collective e o Daft Punk, fazendo um som bem particular que aparentemente fica melhor a cada audição.

A proposta do som  é semelhante a de ouvir um album do Radiohead  pela primeira vez, você ouve e pensa “que bagulho bizarro” mas com a gradual familiarização que se faz no seu cérebro ao ir sendo exposto a essa bizarrice várias vezes, você  passa a perceber toda a intenção por trás dos sons. É como uma câmera fora de foco: você vai ajustando, ajustando até a imagem ficar nítida e você entender o que se passa.

Ajuda se você souber que esse album foi concebido após um tempo em que Chazwick ficou ouvindo compositores de filmes como Ennio Morricone e retornado a casa de seus pais em Columbia, onde ele fez muito do material original de 2010, assim se você ouvir pianos que parecem ter saído de uma composição de um western em meio a batidas eletrônicas, relax and enjoy the trip, você acaba de compreender porquê esse album é tão foda.

Compre:Amazon

Baixe: The Pirate Bay

Ouça:

Um comentário sobre “Toro Y Moi – Underneath The Pine

  1. Pingback: Toro Y Moi – Anything In Return (tweet post) « Ventiladores'

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s