Banda Eddie – Metropolitano

Привет,

Hoje eu vim postar manguebeat, olinda, sol, caranguejo, mangue, miséria, favela, fome.

Banda Eddie é tudo isso, ou como descreveria melhor o título de umas das faixas de seu último cd, Carnaval no Inferno: “Eu tô cansado dessa merda”, uns loucos de Olinda vêm gravando um som do caralh* desde 1989 e só chegaram aos meus ouvidos hoje, eu ia postar uma banda toda cheia de frescura do canto obscuro do indie-folk americano, a famigerada Beirut, que apesar de suas singularidades não tornaram-se nenhum fenômeno no mundo, a não ser no Brasil, graças sua participação na composição da trilha sonora da mini-série Capitu. Agora, porquê as garras do canal de televisão que rendeu um documentário intitulado Além do Cidadão Kane, produzido pela BBC de Londres, não chega em coisas genuinamente geniais do nosso acervo nacional, pq a Banda Eddie transita no único meio de apoio a novas bandas que é a Trama e em blogs obscuros. Revoltem-se brasileiros, ou afundem na merda, que segundo a Banda Eddie “…tá chegando no pescoço…”.

Não vou me arriscar em uma descrição de algo que eu conheci a uma hora, porém, vou utilizar a descrição redigida pelo blog http://www.doktorestranho.blogspot.com/ , que é a oficial da banda.

“Eddie (release) Olinda, 1989. Datar como de costume, como de costume, na Marim dos Caetés, quebrada-cenário de nossos manuais de história e chapações. “Lembra quando Nassau…? E daquela cachaça?” Duvido! Mas, recordo que foi neste ano que ouvi Pixies+Ramones+Dead Kenneds+frevo, entre outros pesos e bossas, ecoar na rua do Sol (salve o velho Pocolouco!). Todos liquidificados num só nome: Eddie. A verdade é que desde o fogo holandês que varreu a velha vila, não se via tanto calor, transformado agora em massa sonora. Olinda e seus arredores, ainda pré-manguebeat, traduzia sua pegada, seus tipos, seus desejos, em 3 acordes e muita maloqueiragem – o Original Olinda Style em seu legítimo cavalo… Mas as labaredas do incêndio, desta vez, não ficaram só por ali. Propagaram-se pelo mundo nas turnês da banda pelo Brasil e pela Europa (2005, 2006, 2007). Espalharam-se também através dos seus 4 registros em discos, tocados nos mais dignos sound-systems: Sonic Mambo (Roadrunner, 1998), Original Olinda Style (independente, 2002), Metropolitano (independente, 2006) e Carnaval no Inferno (independente, 2008). Hoje, depois de várias formações, a Eddie é composta por Fábio Trummer (guitarra & voz), Urêa (percussão & voz), Andret (trompetes, teclados & samplers), Kiko (bateria) e Rob (baixo), contando sempre com a parceria especial de Erasto Vasconcelos, o verdadeiro farol de Olinda. Um escrete com sonoridade própria, cheia de grooves peculiaríssimos e experimentações inflamáveis. Capaz de incendiar até o mais frio dos terreiros do velho mundo, de levantar o fogo morto de ritmos quentes abafados pelo discurso da tradição, como o próprio frevo (o hit “Quando a maré encher” é frevo, meu bem!), entre outras façanhas infernais. Fica, então, o alerta: a Eddie é combustão certeira. Cuidado, principalmente se você brinca com álcool…”

Por Roberto Azoubel, a.k.a. Doutor Estranho

É isso aí, curtam um manguebeat muito bom, eu não tive tempo de ouvir a todos os álbuns, mas em uma primeira impressão eu gostei mais do 3. – Metropolitano, muito bom, principalmente o uso dos metais.

Não achei o álbum para vender, juro.

Então baixem 75% discografia, que eu garimpei em vários blogs.

2. álbum – Original Olinda Style (2003): http:Feijão Tropeiro

3. álbum – Metropolitano (2006): 4Shared

4. álbum – Carnaval no Inferno (2008): http://tramavirtual.uol.com.br/artistas/banda_eddie (Download Remunerado)

8 comentários sobre “Banda Eddie – Metropolitano

  1. Pingback: Academia Da Berlinda – Olindance «

  2. Pingback: Eddie – Veraneio « Ventiladores'

  3. Cara, achei o disco carnaval no inferno na saraiva por meros R$9.90, comprei às cegas… estou ouvindo agora… boa surpresa!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s